Fosfato Vítreo em pó — Transição Vítrea, Mudança Estrutural, Calor Específico

Pó de fosfato vítreo com granulação fina foi medido entre a temperatura ambiente e 1100 ° C. Típico de tais tipos de vidro, a transição vítrea foi medida a 483 ° C (ponto médio). À 632 ° C, um efeito exotérmico foi obtido. Este efeito é, muito provavelmente, causado por alterações estruturais no material e / ou a aglomeração das partículas de pó acima do ponto de amolecimento. A grande superfície do pó é reduzida causando uma ligeira liberação de energia. A liberação de energia sobrepõe os valores de calor específico verdadeiros entre 600 ° C e 900 ° C. (medição com DSC 404 F3 Pegasus®)

DSC 404 F3 Pegasus® – DSC de Alta Temperatura

O DSC 404 F3 Pegasus®, Calorímetro Exploratório Diferencial de Alta-Temperatura, oferece grande flexibilidade para todas aplicações de DSC e DTA em controle de qualidade e desenvolvimento de produto. Fornos e sensores DSC/DTA estão disponíveis para um ampla faixa de temperatura (-150 ... 2000°C). Vários upgrades permitem a adaptação do custo-benefício do sistema do calorímetro para sofisticadas aplicações.