A cura de um Epóxi CFR Prepreg

Neste exemplo, a cura de um epóxi pré-impregnado reforçado de fibra de carbono (CFRP), numa prensa à 120 ° C foi medida a uma frequência de 10 Hz. O gráfico mostra a viscosidade iônica (curva verde) a qual é derivada do fator de perda (curva azul).
Viscosidade iônica aumenta com o rpogresso da  cura e atinge um nível quase horizontal, após 14 min, sinalizando um grau de 100% de cura. A temperatura medida no mesmo canal de DEA produz um grande efeito exotérmico de cura: pico de 162 ° C.